Anuncie

Bolsonaro confirma Marcos Pontes para Ciência e Tecnologia


O presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou no Twitter, nesta quarta-feira (31), que o astronauta Marcos Pontes será o ministro da Ciência e Tecnologia em seu governo.

Além de Pontes, Bolsonaro já havia anunciado o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) para a Casa Civil; Paulo Guedes, para o futuro Ministério da Economia; e o general Augusto Heleno, para o Ministério da Defesa.

Marcos Pontes, por sua vez, confirmou na terça que aceitou o convite de Bolsonaro. Pontes fez a declaração em entrevista ao telejornal "Bom Dia, RN", da Inter TV, afiliada da Rede Globo de Televisão no Rio Grande do Norte.

"Fui convidado e já aceitei, convite está aceito", afirmou. Ele revelou, no entanto, que já havia aceitado o convite "há algum tempo". Pontes disse que quando iria se candidatar a senador, foi convidado por Bolsonaro para ser ministro. Com isso, declarou, decidiu se candidatar a segundo suplente de senador na chapa do hoje senador eleito Major Olímpio (PSL-SP).

 

"Eu assumo o ministério, fico os quatro anos e depois, eventualmente, posso entrar no Senado para continuar o trabalho dentro do Congresso", disse. Assumir uma cadeira no Senado, no entanto, dependeria da saída ou licença de Major Olímpio da vaga de titular.  

31 out 2018


Por Redação
Anuncie

Artigos Recentes

Pais de 3 filhos adotam mais 3 irmãos pra não separar a família

Pais de 3 filhos adotam mais 3 irmãos pra não separar a família

em Boas Ações

Eles já tinham 3 filhos biológicos e resolveram adotar mais 3 para não separar a família.

Moro se reúne com Bolsonaro nesta quinta para discutir ministério

Moro se reúne com Bolsonaro nesta quinta para discutir ministério

em Política

Encontro vai ocorrer na casa do presidente eleito

Bolsonaro confirma Marcos Pontes para Ciência e Tecnologia

Bolsonaro confirma Marcos Pontes para Ciência e Tecnologia

em Política

Presidente eleito fez anúncio pelo Twitter

Aliados de Bolsonaro criticam Datafolha e Ibope após queda de candidato

Aliados de Bolsonaro criticam Datafolha e Ibope após queda de candidato

em Política

"Nós continuamos não acreditando nas pesquisas. Principalmente no Datafolha", disse Gustavo Bebianno, presidente do PSL

Anuncie