Anuncie

“Destrava Brasília” já começa a surtir efeitos


Em agosto, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, ouviu empresários de diversos setores do comércio e da indústria, além de representantes de entidades de classe em prol do projeto “Destrava Brasília”. Após o encontro, foi implementado um pacote de medidas para que Brasília volte a crescer e progredir economicamente. Uma das medidas é em respeito ao ajuntamento dos órgãos Instituto Brasília Ambiental (Ibram), Agencia de Fiscalização (Agefis), Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), Secretaria de Desenvolvimento Econômico, entre outros, para agilizar a execução do que é necessário para cumprir a agenda de reivindicações. “Não admito mais nenhum processo parado. Brasília tem que destravar”, afirmou o governador.” A pressão do líder do Executivo fez com que os representantes dos órgãos em questão iniciassem uma força-tarefa para esvaziamento das mesas de trabalhos com liberação de documentos, aprovação de laudos técnicos, andamento de processos – que aguardam algum tipo de solução –, entre outras ações para que as promessas fossem cumpridas dentro do menor prazo possível. As medidas prometidas pelo governador e que já contam com uma porção significativa de servidores para fazê-las ocorrer da melhor maneira possível são: Desburocratização para obtenção de licenças para melhorar o funcionamento de cerca de 300 postos de combustíveis; Aceleração dos processos de transformação de ambulantes em empreendedores individuais; Alteração no horário de funcionamento do Metrô aos domingos e feriados para atender a demanda da população que frequenta shopping centers, feiras e pontos turísticos de Brasília; Incremento na segurança e melhoria no serviço de transporte público no Setor de Abastecimento e Armazenamento Norte (SAAN); Publicação de decreto, a partir do qual credores do GDF poderão receber do Estado uma carta de crédito que poderá ser utilizadas na compra de terrenos junto à Terracap.

Ao alcance

A última medida – que se refere ao decreto –, deixou os participantes do movimento eufóricos. “Essa medida será sem dúvida, um dos pontos mais importantes para iniciarmos o destravamento da cidade e o retorno do desenvolvimento”, comentou Jamal Jorge Bittar, presidente da Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra). 

Para o presidente do Sindivarejista, Edson de Castro, o decreto é o primeiro passo para que o comércio brasiliense volte a aquecer. “Com essa ação, o governador Rodrigo ficará certamente com o carimbo de ‘bom pagador’, e é isso que Brasília quer”, conclui.

01 set 2017


Por Redação

Artigos Recentes

Bonner vai trabalhar de cadeira de rodas e é criticado pelos colegas

Bonner vai trabalhar de cadeira de rodas e é criticado pelos colegas

em Fama

Muitos estão entendendo a atitude como uma forma de demonstrar que as pessoas devem se sacrificar pelo trabalho ao invés de cuidar da saúde

Governo de Brasília lança Bilhete Único e recarga de cartões pela internet

Governo de Brasília lança Bilhete Único e recarga de cartões pela internet

em Brasília

Melhorias para o transporte público foram anunciadas pelo governador Rodrigo Rollemberg e pelo secretário de Mobilidade, Fábio Damasceno, na manhã desta sexta (22), no Palácio do Buriti.

Temer se diz vítima de conspiração e acredita que denúncia será barrada

Temer se diz vítima de conspiração e acredita que denúncia será barrada

em Política

Para ele, só regimes de exceção aceitaram acusações sem provas, "movidos por preconceito, ódio, rancor ou interesses escusos".

Anuncie