Anuncie

'Eu me considero um inocente condenado e perseguido', afirma Lula


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a dizer, nesta terça-feira (13), que está sendo condenado sem culpa. "Eu me considero um inocente condenado e perseguido", afirmou o petista em entrevista à Rádio Cultura, de Foz do Iguaçu (PR). 

Lula ressaltou o legado deixado após seus dois mandatos à frente do Palácio do Planalto, que lhe renderam 87% de aprovação do povo brasileiro, e criticou a agenda econômica do governo de Michel Temer.

“Eu tenho consciência de que o Brasil viveu um dos melhores períodos no meu governo. Para isso é necessário uma palavra mágica chamada credibilidade”, avaliou. “Hoje a União não tem nenhuma capacidade de fazer investimento. Os Estados, quase todos, não tem capacidade de investir. As prefeituras estão endividadas. Os empresários não confiam para fazer investimentos. E a iniciativa privada estrangeira está vindo aqui comprar ativos prontos”, observou. 

O petista ainda afirmou que acredita na Justiça, mas que “ela não pode estar politizada.” “Por isso estou brigando e agradeço a solidariedade de todo mundo“, disse. "Sou um cara muito tranquilo e acho que meus acusadores estão muito mais preocupados do que eu. Não leram o processo, não ouviram as testemunhas. A única coisa que peço é que leiam os méritos do processo. Mentiras deslavadas com um único objetivo de me tirar da eleição", completou.

O ex-presidente embarca para a quarta etapa do projeto Lula pelo Brasil no próximo dia 19. Desta vez, o ex-presidente vai percorrer os três estados do Sul do país. Serão ao menos 19 cidades na rota da caravana. "O que eu tenho dito para a Gleisi Hoffmann, presidente do PT, é: levantar e brigar. Porque temos muito a fazer", pontuou.

13 mar 2018


Por Redação
Anuncie

Artigos Recentes

Pais de 3 filhos adotam mais 3 irmãos pra não separar a família

Pais de 3 filhos adotam mais 3 irmãos pra não separar a família

em Boas Ações

Eles já tinham 3 filhos biológicos e resolveram adotar mais 3 para não separar a família.

Moro se reúne com Bolsonaro nesta quinta para discutir ministério

Moro se reúne com Bolsonaro nesta quinta para discutir ministério

em Política

Encontro vai ocorrer na casa do presidente eleito

Bolsonaro confirma Marcos Pontes para Ciência e Tecnologia

Bolsonaro confirma Marcos Pontes para Ciência e Tecnologia

em Política

Presidente eleito fez anúncio pelo Twitter

Aliados de Bolsonaro criticam Datafolha e Ibope após queda de candidato

Aliados de Bolsonaro criticam Datafolha e Ibope após queda de candidato

em Política

"Nós continuamos não acreditando nas pesquisas. Principalmente no Datafolha", disse Gustavo Bebianno, presidente do PSL

Anuncie