Anuncie

Mais um país planeja banir carros a gasolina e diesel


Mais um país se uniu à França no banimento a veículos com motor a combustão. Conforme relata o The Guardian, o Reino Unido planeja proibir a venda de todos os carros e furgões movidos a gasolina e diesel até o ano de 2040.

A proposta faz parte de um plano de melhoria da qualidade do ar da região e, caso seja aceita pelo governo, os novos veículos vendidos em todo o país devem contar com motores puramente elétricos – colocando fim aos híbridos também.

Um relatório recente do governo britânico afirma que a poluição causada pelos carros mata, pelo menos, 40 mil pessoas todos os anos no Reino Unido. “A má qualidade do ar é o maior risco ambiental para a saúde pública no Reino Unido e estamos determinados a agir fortemente no menor tempo possível", disse um porta-voz do governo.

No início de julho, a França anunciou um plano similar, também com prazos para 2040, mas descreve a política como parte de uma estratégia para cumprir seus compromissos de redução de emissões de carbono feitos no Acordo de Paris.

A Índia também está se preparando para proibir a produção de veículos movidos a combustão. Porém, o prazo é um pouco mais agressivo (2030), pois o país tem um dos piores índices de poluição do ar.

26 jul 2017


Por Redação

Artigos Recentes

Portugal: 700 anos de história que arderam em um dia

Portugal: 700 anos de história que arderam em um dia

em Mundo

O país sofreu com incêndios gigantescos em 2017

MPF apresenta telefonemas entre suposto 'laranja' e amigo de Lula

MPF apresenta telefonemas entre suposto 'laranja' e amigo de Lula

em Política

O relatório, produzido por meio da quebra do sigilo telefônico de Costamarques, mostra que foram efetuadas 12 ligações entre o empresário e o advogado Roberto Teixeira

Adasa autoriza Caesb a ampliar racionamento de água para 48 horas

Adasa autoriza Caesb a ampliar racionamento de água para 48 horas

em Brasília

A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa) autorizou a ampliação do racionamento de água para um limite máximo de 48 horas.

PF investiga contratos suspeitos envolvendo Odebrecht e Petrobras

PF investiga contratos suspeitos envolvendo Odebrecht e Petrobras

em Brasil, Política

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta sexta-feira (20), uma série de mandados de busca, apreensão, condução coercitiva e de prisão temporária, no âmbito da Operação Lava Jato, para investigar atos de corrupção e lavagem de dinheiro em contratos en

Anuncie