Anuncie

OEA não reconhece novo mandato de Maduro

Adicionar aos favoritos
10 janeiro, 2019

A Organização dos Estados Americanos (OEA) aprovou uma declaração que não reconhece a legitimidade do novo mandato do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro. A aprovação do documento aconteceu nesta quinta-feira (10), logo após Maduro tomar posse de um segundo mandato.

Como reportado pelo 'G1', a resolução foi aprovada com 19 votos a favor, 6 contrários, 8 abstenções e 1 ausência em sessão extraordinária do Conselho Permanente da OEA.

Votaram a favor: Argentina, Estados Unidos, Colômbia, Chile, Equador, Canadá e Brasil, entre outros. Venezuela, Nicarágua, Bolívia e alguns países caribenhos votaram contra. Entre os que se abstiveram está o México.

O documento sugere a "realização de novas eleições presidenciais com todas as garantias necessárias para um processo livre, justo, transparente e legítimo".

A Assembleia Geral da OEA é composta pelas delegações dos 34 Estados membros ativos. Cuba não participa.

 

 


Anuncie

Artigos Recentes

Bolsonaro e Macri querem rever tarifa externa comum do Mercosul

Bolsonaro e Macri querem rever tarifa externa comum do Mercosul

em Política

A tarifa externa comum é uma alíquota do imposto de importação acertada entre os quatro sócios do bloco - Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai

janeiro 16, 2019 Por Kennedy Medeiros

Moro: 'Petrobras foi saqueada num volume sem paralelo no governo Lula'

Moro: 'Petrobras foi saqueada num volume sem paralelo no governo Lula'

em Economia

"Pra onde foi esse dinheiro?", questionou o ministro

janeiro 16, 2019 Por Kennedy Medeiros

Felipe Neto lançará canal para adultos sobre empreendedorismo

Felipe Neto lançará canal para adultos sobre empreendedorismo

em Tech

Objetivo do youtuber é mostrar que 'é melhor ter vontade do que ter um dom'

janeiro 16, 2019 Por Kennedy Medeiros

Sorridente, Bolsonaro exibe crachá de presidente da República

Sorridente, Bolsonaro exibe crachá de presidente da República

em Política

O “Cartão de Identidade Funcional” serve para entrar no Palácio do Planalto

janeiro 16, 2019 Por Kennedy Medeiros

Anuncie