Anuncie

Sede do YouTube na Califórnia é alvo de tiroteio


A sede do grupo Alphabet, que controla o YouTube, localizada em San Bruno, Califórnia, é alvo de um tiroteio nesta terça-feira (3). As informações são da emissora CBS.

Testemunhas que estão no local afirmam ter ouvido tiros no prédio e chegaram a fazer barricadas dentro de salas; autoridades policiais foram deslocadas ao local e iniciaram procedimento para evacuar as vítimas. 

A polícia confirmou atendimento a um chamado relativo a tiroteio entre a Cherry Ave & Bay Hill Drive e recomendou que moradores fiquem longe da área.

Um porta-voz do hospital San Francisco General afirmou que a unidade de saúde está recebendo pacientes feridos no tiroteio, mas não confirmou o número de vítimas.

O complexo onde se situa a sede do YouTube é próximo do campus da Google, que já reagiu ao incidente, indicando que está colaborando com as autoridades e que divulgarão mais informações assim que possam.

03 abr 2018


Por Redação
Anuncie

Artigos Recentes

STJ pode mandar 197 processos sobre autoridades a instâncias inferiores

STJ pode mandar 197 processos sobre autoridades a instâncias inferiores

em Política

Corte decide na próximas semana se adota entendimento do STF de restringir o foro privilegiado para deputados e senadores

Daniel Alves está fora da Copa do Mundo

Daniel Alves está fora da Copa do Mundo

em Esporte

A comissão técnica da CBF avaliou o jogador e concluiu que ele não terá condições de disputar o Mundial da Rússia

Para manter Lula candidato, PT pode recorrer a tratados internacionais

Para manter Lula candidato, PT pode recorrer a tratados internacionais

em Política

Entre as medidas está um recurso baseado no Pacto de San José da Costa Rica, que estabelece que só pode ser impedido de se candidatar aquele que já esgotou todos os recursos possíveis

Petrobras volta a ser a maior empresa da Bolsa em valor de mercado

Petrobras volta a ser a maior empresa da Bolsa em valor de mercado

em Economia

Em meio à crise financeira e escândalos de corrupção, a petroleira caiu para a 3ª posição em 2014, ficando atrás da Ambev e do Itaú Unibanco

Anuncie