Anuncie

Segurança é reforçada para proteger população nas compras de fim de ano


Para reforçar a segurança de quem fará as compras de fim de ano, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) iniciou o Policiamento Intensivo de Natal nos espaços com maior movimentação de pessoas, como supermercados, agências bancárias, shoppings e feiras.

Segundo o subchefe do Departamento Operacional da PM, coronel Julian Pontes, nesse período as pessoas costumam andar com dinheiro, e aí mora o perigo. “Por causa das festividades e da liberação do 13º salário, existe aumento de fluxo no comércio, e isso chama a atenção [de golpistas].”

O policiamento, conforme informou o coronel, foi distribuído de acordo com o mapa de manchas criminais elaborado pela Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social.

A operação é feita em todas as regiões administrativas, mas os centros de comércio de Ceilândia, do Plano Piloto, de Taguatinga e de Samambaia recebem atenção especial pela maior concentração de público.

PM recomenda que, nessa época, as pessoas redobrem a atenção e adotem posturas preventivas nas ruas como evitar locais ermos, deixar bolsa aberta ou usar celular

Cerca de mil policiais foram mobilizados apenas para o trabalho de prevenção. Normalmente vinculados a atividades administrativas na corporação, eles foram remanejados para dar o apoio nas ruas.

A ideia é que o policiamento esteja mais visível nesse período para coibir ações criminosas. A operação vai até 7 de janeiro.

Pontes recomendou que as pessoas tenham mais atenção ao sair de casa, evitem deixar a bolsa aberta, usar o celular nas ruas e andar em locais ermos.

Cuidados que a população deve ter ao movimentar dinheiro

O superintendente de Segurança Empresarial do Banco de Brasília, Kleber Ponce Leones, recomenda que a população evite frequentar agências fora do horário de atendimento ou com pouca movimentação.

“Quando o saque for de quantia alta, sempre se certifique de que não esteja sendo observado ou seguido”, adverte o dirigente. Outro alerta é no sentido de prestar atenção se, ao passar a senha do cartão, há pessoas ao redor observando o código.

Em compras feitas na internet, a sugestão é verificar o endereço do site, já que fraudadores usam links patrocinados para ganhar visibilidade nos resultados de buscas. Outra dica é checar se há um cadeado no início do endereço do site, o que garante maior privacidade.

A Federação Brasileira de Bancos preparou uma cartilha para orientar a população sobre cuidados básicos para evitar fraudes e roubo nas contas.

Principais recomendações aos correntistas:

  • Nunca forneça dados pessoais, senhas e informações sensíveis por telefone, e-mail, redes sociais e aplicativos de comunicação instantânea.
  • Fique atento: os bancos não solicitam confirmação de dados pessoais relacionados a contas bancárias, senhas e cartões por telefone, SMS, e-mail ou por outros meios.
  • Jamais forneça dados a alguém que se identifique como operador de central de atendimento. Entre em contato com o gerente de sua conta para questionar tal solicitação.
  • Faça controle periódico da fatura de seu cartão de crédito e de seu extrato bancário.
  • Em caso de dúvidas nos caixas de autoatendimento, só aceite ajuda de funcionário uniformizado e identificado por crachá do banco.
  • Não responda, por quaisquer meios, mensagens de empresas ou instituições desconhecidas.
  • Mantenha o sistema operacional de seu computador, tablet ou celular sempre atualizado e, se possível, instale programas de antivírus.
  • Ao acessar ambientes on-line que exijam login e senha, lembre-se de desmarcar o memorizador de senhas e sempre clique em Sair ao término da navegação.
  • Instale aplicativos apenas de fontes confiáveis.
  • Evite abrir e-mail e clicar em anexos ou links enviados por desconhecidos.
  • Fique atento ao endereço de e-mail. Empresas de grande porte não usam contas privadas como @gmail, @hotmail ou @terra para entrar em contato com clientes. Entidades públicas sempre são registradas com @gov.br ou @org.br.
  • Sempre que não estiver utilizando celular, tablet ou computador, mantenha-os bloqueados com senha de acesso

13 dez 2017


Por Redação
Anuncie

Artigos Recentes

Oficiais ganham força na campanha de Bolsonaro

Oficiais ganham força na campanha de Bolsonaro

em Política

Um grupo de fiéis aliados egressos das Forças Armadas, liderado por três generais do Exército, vem ampliando seu espaço de influência na campanha de Jair Bolsonaro

23 parlamentares envolvidos na Lava Jato que perderão foro privilegiado

23 parlamentares envolvidos na Lava Jato que perderão foro privilegiado

em Política

Pelo menos 13 deputados federais e 10 senadores não conseguiram um novo mandato nas eleições e agora terão seus casos enviados para a primeira instância

Candidatos já gastaram R$ 100 mi com militância e mobilização de rua

Candidatos já gastaram R$ 100 mi com militância e mobilização de rua

em Política

São recursos públicos que bancam a maior parte das campanhas

Marielle: homem que quebrou placa já foi secretário de Direitos Humanos

Marielle: homem que quebrou placa já foi secretário de Direitos Humanos

em Política

Candidatos que aparecem em foto que viralizou na rede podem ser denunciados pelo Ministério Público

Anuncie