Anuncie

Após polêmica com Loreto, Marina Ruy Barbosa pede união entre mulheres

Adicionar aos favoritos
08 março, 2019

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Marina Ruy Barbosa, 23, foi alvo de diversas críticas durante a polêmica separação de José Loreto, 34, e Débora Nascimento, 33. Espectadores e até celebridades apontaram a atriz de "O Sétimo Guardião" como pivô do fim do relacionamento.

Ruy Barbosa, que é casada com o empresário Xande Negrão, recebeu apoio da sogra e de outras celebridades como Letícia Spiller, mas tem evitado comentar sobre o assunto.

Neste Dia Internacional da Mulher, a atriz resolveu publicar um texto em seu perfil no Instagram falando sobre a data, a luta, o empoderamento feminino e a empatia entre mulheres.

"Vamos desaprender o que a sociedade ensinou sobre as mulheres. Precisamos juntas desconstruir essa rivalidade que criaram entre nós. Comece por VOCÊ a mudança que quer ver em outra mulher", escreveu a atriz.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Oito de março é o dia da mulher. Mas muitas vezes a gente passa por essas datas sem nem entender direito, até porque tudo hoje em dia acaba indo por um viés comercial e superficial. Esse dia existe para relembrar nossas conquistas sociais, políticas e culturais ao longo dos anos. (Tudo bem que ainda falta muito, mas...) E pra relembrar também o quanto devemos unir nossas forças. Vamos desaprender o que a sociedade ensinou sobre as mulheres. Precisamos juntas desconstruir essa rivalidade que criaram entre nós. Comece por VOCÊ a mudança que quer ver em outra mulher. Hoje em dia, uma das coisas que mais penso antes de dizer algo sobre outra é que quando eu atinjo uma mulher estou automaticamente me atingindo. Não seja uma mulher opressora. Com certeza o falar é mais fácil do que o agir. Colocar em pratica atitudes feministas diante de uma sociedade que TODOS os dias propaga a rivalidade e competitividade entre as mulheres não é fácil. Mas é um esforço diário, e olhar atento pra todas as atitudes que temos. Devemos ter atenção, ninguém sabe a dor que a outra sente, problemas, angústias, cobranças... Antes de acusar, julgar, expor, procure saber, vá atrás da verdade, pois suas atitudes e comentários podem trazer um mal irreversível pra outra mana. Uma das coisas que eu aprendi com o feminismo é não atacar outra mulher, mesmo até que ela faça isso comigo. O que nós precisamos fazer é PARAR DE NOS CULPAR. É acreditar na irmandade e solidariedade entre mulheres. Em uma sociedade que estimula a competição entre nós, a SORORIDADE vai na contramão desse conceito. #juntassomosmaisfortes #8M #feminist

Uma publicação compartilhada por Marina Ruy Barbosa (@marinaruybarbosa) em

Ela afirma que atualmente pensa antes de comentar algo sobre uma mulher. 'Quando eu atinjo uma mulher estou automaticamente me atingindo", diz.

"Não seja uma mulher opressora. Com certeza o falar é mais fácil do que o agir. Colocar em pratica atitudes feministas diante de uma sociedade que TODOS os dias propaga a rivalidade e competitividade entre as mulheres não é fácil. Mas é um esforço diário, e olhar atento pra todas as atitudes que temos."

A atriz diz que devemos ter atenção e que ninguém sabe a dor que outras mulheres sentem, bem como seus problemas, angústias e cobranças.

"Antes de acusar, julgar, expor, procure saber, vá atrás da verdade, pois suas atitudes e comentários podem trazer um mal irreversível pra outra mana. Uma das coisas que eu aprendi com o feminismo é não atacar outra mulher, mesmo que ela faça isso comigo."

Por fim, Ruy Barbosa fez um apelo para que as mulheres parassem de se culpar e acreditassem na irmandade e solidariedade entre elas, mesmo dentro de uma sociedade "que estimula a competição entre nós".

 

 


Anuncie

Artigos Recentes

Portaria da Saúde estabelece padrões para o atendimento humanizado

Portaria da Saúde estabelece padrões para o atendimento humanizado

em Brasília

Ato foi publicado no Diário Oficial de quarta-feira (17)

abril 18, 2019 Por Kennedy Medeiros

Procon intensifica fiscalização em supermercados e chocolaterias do DF

Procon intensifica fiscalização em supermercados e chocolaterias do DF

em Brasília

Produtos vencidos, adulterados ou deteriorados estão na lista de infrações autuadas pelo órgão

abril 18, 2019 Por Kennedy Medeiros

Faixa reversa da EPTG completa um mês com aprovação geral

Faixa reversa da EPTG completa um mês com aprovação geral

em Brasília

Usuário de transporte coletivo comemora tempo reduzido no trânsito, porém mais de mil motoristas já foram autuados por desrespeito à medida

abril 18, 2019 Por Kennedy Medeiros

Uma cidade sonhada por dois séculos

Uma cidade sonhada por dois séculos

em Brasília

A transferência para o interior do país é defendida desde o período colonial. A construção de uma nova capital, porém, passou por vontades políticas distintas, muitas mudanças de governo até se transformar em realidade com Juscelino Kubitschek

abril 18, 2019 Por Kennedy Medeiros

Anuncie