Anuncie

Sob críticas, Maduro assume nesta quinta o 2º mandato presidencial

Adicionar aos favoritos
10 janeiro, 2019

Sob críticas e suspeitas internacionais, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, toma posse hoje (10) do seu segundo mandato que irá até 2025. Ele conta com o respaldo das Forças Armadas e da Suprema Corte. Porém, sofre resistência interna da Assembleia Nacional que é comandada pela oposição.

O Brasil, que integra o Grupo de Lima (formado por Argentina, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Guiana, Honduras, Panamá, Paraguai, Peru e Santa Lucia e México), considera a reeleição de Maduro ilegítima.

Para o grupo, com exceção do México, o poder deveria ser transmitido para o Parlamento venezuelano que, por sua vez, promoveria novas eleições. O processo eleitoral que levou à reeleição de Maduro contou com quase 70% de abstenção.

A crise na Venezuela se agravou nos últimos anos, provocando uma forte imigração, fome e desemprego na região. Para o público interno, Maduro afirmou que apresentará um conjunto de ações econômicas para frear a hiperinflação que atinge o país.

“Vou apresentar o Plano da Pátria diante da Assembleia Nacional Constituinte para o próximo período de seis anos. Vou fazer uma avaliação e apresentar um conjunto de medidas”, afirmou Maduro, acrescentando que sua meta é a estabilidade econômica para o período de 2019-2025.

Esta semana o Peru informou que proibirá a entrada do presidente da Venezuela e integrantes do governo, assim como suas famílias, no território peruano.

*Com informações da AVN, agência estatal de notícias da Venezuela.


Anuncie

Artigos Recentes

Deputado apresenta proposta para evitar traição de cônjuges de parlamentares

Deputado apresenta proposta para evitar traição de cônjuges de parlamentares

em Câmara dos Deputados, Política

O deputado federal Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) surpreendeu e propôs nesta semana a criação ide uma espécie de fundo financeiro para arcar com viagens de companheiras de parlamentares para, segundo ele, “prevenir relações extraconjugais”.

março 22, 2019

Governo Federal apresenta projeto para punir devedores da Previdência

Governo Federal apresenta projeto para punir devedores da Previdência

em Política, Congresso Nacional

O Poder Executivo apresentou nesta sexta-feira (22) o Projeto de Lei 1646/19 que punirá o devedor costumaz. O Governo Federal justifica que Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deixou de receber cerca de R$ 491 bilhões por conta de devedores.

março 22, 2019

MEC garante R$ 10 mi para projeto-piloto de escolas militares no DF

MEC garante R$ 10 mi para projeto-piloto de escolas militares no DF

em Senado

O DF já tem quatro escolas com atuação em conjunto com a PM

março 22, 2019 Por Kennedy Medeiros

Carlos Bolsonaro se alia a Moro e Maia fica irritado

Carlos Bolsonaro se alia a Moro e Maia fica irritado

em Política

Esquentou o clima entre a Câmara dos Deputados e o Palácio do Planalto

março 22, 2019 Por Kennedy Medeiros

Anuncie