Manifestações de Caminhoneiros Acontecem em 13 Estados do Brasil

53 Bloqueios em estradas federais estão acontecendo no Brasil e começaram desde terça-feira (7).

A Polícia Federal Rodoviária (PRF) registrou cerca de 173 pontos de concentração e mais 53 vias federais no Brasil.

Ao todo, 13 estados já possuem pontos de manifestações com bloqueios por caminhoneiros.

Segundo informações e dados da PRF, a maior concentração de caminhoneiros está nos estados do Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina.

Os caminhoneiros manifestam a vontade do pedido de saída de Ministros do STF.

Caminhoneiros em Brasília tentam se aproximar do prédio do STF

Grupo de caminhoneiros estão desde o dia 6 em frente ao Congresso Nacional hoje (8). Apoiadores do Governo do atual presidente da República, Jair Bolsonaro, pedem o impeachment dos ministros do Superior Tribunal Federal.

Um dos supostos líderes dos manifestantes, Zé Trovão, deixou no Telegram anunciou que nesta quarta-feira (8), levaria um pedido para destituir todos os ministros da Corte. Até o exato momento deste post, os caminhoneiros não apresentaram o pedido.

Logo em frente ao Congresso Nacional, estão estacionados 25 caminhões. Porém, 2 destes veículos estão com uma grande faixa que mostra a seguinte mensagem: “Exigimos a imediata destituição de todos os ministros do STF e a criminalização do comunismo. O povo brasileiro apoia o presidente Bolsonaro”.

Os manifestantes que ainda se encontram no local, carregam alguns cartazes que dizem que o “Supremo Tribunal Federal é corrupto”.

Outros levantam cartazes clamando “intervenção militar com Bolsonaro no poder”. O cântico mais expressado é o “Supremo é o povo”.

Mesmo após a polícia ter bloqueado o acesso que leva à Esplanada às 14h, os apoiadores diziam que estavam aguardando a PM liberar o acesso, para entrarem no Senado e formalizarem o pedido de impeachment dos ministros.

Segundo os apoiadores, o principal alvo das manifestações é o Ministro Alexandre de Moraes.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter

Outras Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.